quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Meu amante comendo a minha mulher

Ola pessoal, todos já me conhecem de outros contos, esse que vou relatar é sensacional e acontece até hoje. ano passado conheci um cara muito legal, seu nome é marcio, ele é moreno corpo super atlético, pernas maravilhosas, braços fortes e o melhor de tudo peludo igual o toni ramos, só que bem mais bonito claro. marcio é muito paquerado pelas mulheres e segundo o que sei já saiu com várias mesmo sendo casado. ele cativa até mesmo os homens que ficam a sua volta, comecei a andar com marcio e estávamos sempre falando de sexo, um dia joguei um verde dizendo que sabia de um caso dele com outro homem e por incrível que pareça ele pensando que eu sabia mesmo de alguma coisa caiu direitinho e me confessou que não tinha preconceito e manteve sim um caso com um cara por algum tempo, mas não revelou quem. eu a essa altura já sentia uma forte atração por marcio e na real já tava louco de vontade sentir seu pau no rabo. mas ainda demorou algum tempo pra que isso acontecesse, a cada dia que passava eu me sentia mais atraído por ele, marcio percebeu mas ficou na dele, sempre saímos juntos depois do trabalho pra restaurantes, até que não me agüentei mais e disse a ele que precisava me afastar dele pois apesar de ter minha mulher e gostar de buceta eu estava sentindo uma certa atração por ele e não sabia explicar bem o que era aquilo. foi então que ele me disse que já havia percebido isso mas ficou na dele, porém achava normal isso, então eu disse a ele que se para ele era normal eu queria experimentar um pouco do seu sabor, foi então que ele disse que tudo bem mas que era só ativo. por mim tudo bem disse a ele, então liguei o carro e segui para um lugar tranqüilo. chegando lá marcio desceu do carro e foi mijar, voltou pro carro balançando um cacete molhado, mas ainda mole, não resisti foi ele sentar no banco do carro e eu já cai de boca, xupei com gosto aquele cacete até endurecer em minha boca, marcio desceu a calça até os pés e minhas mãos começaram a acariciar aquelas coxas grossas e peludas, meu cu até piscava de vontade dar pra ele mas ali não seria possível, então xupei seu pau com vontade, marcio segurava minha cabeça e forçava de encontro seu pau até meus lábios tocarem seu saco ele socava o pinto inteiro na minha boca e mesmo não sendo muito grande eu tinha um pouquinho de dificuldade de engolir, mas não tiraria da boca por nada, xupei por uns 10 minutos e marcio encheu minha boca de puma porra grossa, deliciosa. nos recompomos e fomos embora prometendo fazer de tudo num outro dia num motel. marcio cumpriu o prometido e uma semana depois estávamos entrando num motel, levei doces e refrigerantes, e o melhor de tudo coloquei uma calcinha fio dental da minha mulher. marcio adorou quando me viu de calcinha, só me alertou que não beijava na boca, eu disse que tudo bem isso era o de menos. marcio tirou sua roupa e se deitou na cama a principio fiquei meio tímido pois não sabia como agir, mas ele fez questão de dizer que adorava carinho, então me soltei e comecei beijando suas pernas fui subindo até chegar nas coxas deliciosas, lambi seu saco com gosto e vontade, vontade reprimida a meses, xupei seu pau mais gostoso que a primeira vez, tanto é que marcio chegou a exclamar o por que sua mulher não agia assim, marcio então me interrompeu dizendo que se eu continuasse ele iria encher minha boca de porra e ele tava louco de vontade experimentar meu cuzinho, então me colocou de quatro na beira da cama virado para o vídeo pornô que rolava puxou minha calcinha de lado e socou seu pau no meu cú com gosto, confesso que mesmo não sendo muito grosso eu não pude evitar um belo gemido de tesão e dor, mas ele não conseguiu enfiar tudo de só vez como pretendia, então deu mais duas socadas com vontade e se enfiou em meu rabo, ai que delicia só de lembrar meu pau fica duro e meu cú pisca, é mas infelizmente foi nesse dia que fiz uma dura descoberta, eu estava apaixonado por marcio, e isso era o que eu mais temia que acontecesse, mas gente é difícil não se apaixonar por um maxo desses, ele além de gostoso, é carinhoso, dócil, e fode muito bem seu pau como disse não é muito grande deve medir no máximo uns 15 x 5 cm mas quem experimenta uma vez vai sempre querer mais, e que bundinha peluda deliciosa de tocar, embora ele não goste disso, mas eu sempre dou um jeitinho de acariciar aquela bundinha ele fica bravo mas eu digo que não é tesão de come-lo é só por que ela é realmente linda e bem feita e me dá mais vontade ainda de dar pra ele. pois bem o tempo foi passando e mesmo nós dois sendo casados e termos família continuamos saindo, a vida para mim se tornou maravilhosa, passado algumas semanas estávamos nos acariciando no carro quando quase nos beijamos sem querer (sem querer querendo claro), mas marcio nesse dia não se fez de arrogado e me deu o primeiro beijo na boca, foi maravilhoso, confesso que era tudo que eu sonhava. bom o tempo passou e nos tornamos amantes ficamos cada vez mais íntimos e marcio me comia no carro me levava em lugares onde havia comido várias mulheres, motéis, me comia em casa enfim fazíamos de tudo. só o que ele não sabia é que eu morria de vontade vê-lo comendo minha mulher e também que muitas vezes eu e ela tranzamos fantasiando e até mesmo ela me chamando de marcio. até que comecei a criar coragem e comecei a jogar verde nele sobre o que ele achava de uma mulher tranzar com dois homens ao mesmo tempo e coisa e tal, a principio ele disse que achava meio estranho, meio chato, então disse a ele que eu conhecia uma mulher que tinha vontade de tranzar com nós dois e ele ficou doido pra saber quem era, disse a ele que na hora certa ele saberia, e comecei dar uns toques pra ele saber que era minha mulher, não demorou e ele começou a desconfiar que era ela. até que um dia combinei com ana minha mulher de colocar uma saia bem curta e mostrar a calcinha pra ele, ana topou e num dia em que marcio veio a nossa casa ela colocou um mini saia e sentou bem de frente pro marcio pegou um livro e fingia que estava lendo, abriu as pernas e deixou marcio ver sua calcinha de vez enquando ela olhava pra ver a reação dele e marcio estava petrificado olhando entre as pernas de minha mulher, pra facilitar e fui ao banheiro e demorei de propósito, quando sai ana me contou a reação de marcio dizendo que ele não sabia o que fazer diante da situação, então disse a ela pra tirar a calcinha e mostrar a buceta pra ele, ana ficou meio sem jeito mas tirou a calcinha e sentou novamente na frente de marcio, enquanto isso eu fingia que dormia no sofá e de vez enquando dava uma olhadinha para marcio que até se ajeitava no sofá pra poder apreciar melhor a xana da minha gata, ana é branca tem 1.75 mt mais ou menos, cabelos cumpridos, coxas grossas e deliciosas e um bocetão de dar inveja em égua. tudo bem fingi acordar e fomos almoçar, marcio nem imaginava que aquilo era tudo tramado, então a noite ao conversarmos perguntei a ele se gostou do que viu e ele não sabia o que dizer, então confessei a ele que sabia de tudo e na realidade tinha sido uma trama minha e de ana pra desperta-lo praquela aventura. marcio então me disse que se timanhamos certeza que era aquilo que queríamos e se eu não ficasse com ciúmes ele toparia. disse a ele que tudo bem que havia pensado muito antes de tomar a decisão e não haveria problemas. então marcamos pro sábado seguinte, marcio inventou uma desculpa pra mulher dele e saímos os três pra dar uma volta, já dentro do carro eu incentivava minha mulher a acariciar e beijar o marcio, mas os dois estavam muito tímidos, detalhe ana nem imaginava minha condição de amante do marcio. então esperamos chegar em casa e antes de descer do carro ana acariciou o peito peludo do marcio, só aquilo já me deixou de pau tinindo, entramos em casa ana foi tomar um banho enquanto eu coloquei um filme pornô, marcio ficou assistindo comigo e aproveitei para beijar muito meu homem, disse a ele que iria beijá-lo na frente da minha mulher mas que ela não podia saber do nosso caso, marcio concordou e eu disse que ele já podia ir tirando a roupa, ele antes perguntou se poderia mesmo e eu confirmei ajudando ele tirar a calça, marcio ficou só com uma cueca boxer branca que ficou linda em seu corpo, quando ana chegou ele estava deitado em nossa cama, ana ficou meio sem reação e eu disse a ela que se deitasse com ele, ana ainda estava vestida, ela se deitou e marcio olhou para mim então disse a ele fica a vontade, ele disse posso mesmo ficar a vontade, eu disse sim e marcio agarrou minha mulher e começou a beijá-la na boca e acariciar seu corpo, sua mão percorreu todo o corpo de minha mulher indo parar em sua bunda, eles pareciam um casal de namorados apaixonados se beijando, aquilo me dava um tesão tremendo, então marcio deixou minha gata peladinha e ana por sua vez a ele, e sem nenhum constrangimento ela foi descendo e enfiou o pau delicioso do meu amante na boca e chupou gostoso, marcio me olhava e gemia, ana chupou por um bom tempo e depois subiu beijando o corpo peludo dele, marcio subiu em ana e na posição de papai mamãe ele mirou o pau na boceta dela e socou de uma vez, minha mulher deu um gemido delicioso e sussurrou “assim você me mata de tesão, ai que gostoso” marcio por sua vez começou a bombar a boceta dela e beijá-la na boca, xupar seios, ana erguia as pernas e pedia mais, eu fui por traz e fiquei olhando aquele pau que eu conhecia tão bem agora atolado na xana da minha mulher que gemia como puta. depois de observar por um tempo me aproximei e dei meu pau pra minha gata xupar, marcio a colocou de quatro e eu entrei por baixo e soquei na boceta dela, então pedi a ele pra comer o cu dela, marcio ficou eufórico e foi ai que descobri que socar com força num cu é o tesão dele, pois ele deu uma boa lubrificada no pau e no rabo de ana e socou com força fazendo com que ela me pedisse pra dizer a ele pra ir devagar, mas eu pelo contrário abria o rabo dela e pedia pra ele enfiar com força que ela agüentava, esse era meu maior sonho ver outro homem enrabando minha gata, pois até então só eu havia comido aquele cu. e marcio não se fez de arrogado, enfiou com força no cu dela e começou a bombar da mesma maneira que havia feito comigo na primeira vez. não demorou e marcio começou a gozar no cu dela enchendo de porra, marcio saiu pra se lavar e eu lambi o cu dela e soquei meu pau naquele buraco gostoso, que acabará de ser arrombado. depois disso descansamos um pouco e ana ainda estava com tesão então recomeçamos, ana foi xupar o pau de marcio e eu fiquei de longe observando, marcio então fez sinal pra que eu me aproximasse e me abraçou, enquanto minha mulher xupava o pau dele eu o beijava na boca, depois eu desci até o pau dele e comecei a xupar junto com minha esposa, parei e dei a rola na mão dela segurei sua cabeça e dizia pra ela “xupa gostoso o pau do meu amigo xupa, ana tentava engolir inteiro mas não tinha a mesma habilidade que eu, depois ana foi beijá-lo enquanto eu a fodia e demos um delicioso beijo a três, ana desceu e subiu no pau de marcio iniciando uma deliciosa cavalgada, macio virou ana e a colocou na posição de frango assado, meteu um pouco e anúncio mais uma gozada então pedi pra ele gozar na boca dela e ele o fez, logo em seguida também gozei enchendo a boca dela de porra. depois disso já saímos diversas vezes juntos sendo que ainda não dei o cu na frente dela, mas já estamos planejando pro próximo encontro e ele disse que quer colocar os dois de quatro e meter um pouco no rabo de cada um até gozar e encher nossa boca de porra, não vejo a hora disso acontecer e ana também. já fizemos muitas loucuras juntos e já cheguei até mesmo ficar na porta de casa vigiando pra ver se vinha alguém enquanto ele metia nela em nosso quarto, mas depois conto mais, ta muito longo. só sei que amo esse cara e faria qualquer por ele, até dar minha mulher de presente com fitinha de cetim dado laço na buceta no dia do aniversário dele, depois eu conto. esse conto é verídico e podem votar que eu ponho mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário